O FIM DA PICADA
Indicado para:
Caríssima liberdade - Concorrem filmes realizados com apoio de recursos públicos.

MICKEY MOUSE, EXU DO SÉCULO XXI ? Filmes sobre viagem no tempo sempre foram um bom mote para ficções-científicas hollywoodianas, certo? Nem sempre. E se o errante Macário, aquele que vendeu sua alma para o diabo em 1852, viesse parar na São Paulo do século XXI? O personagem-título da peça escrita pelo poeta romântico Álvares Azevedo (morto pouco depois, aos 20 anos, devido à tuberculose), é apenas o ponto de partida para a criação deste exemplar de horror totalmente tupiniquim, com direito a Saci Pererê, exus e uma desconcertante satã negra, além de participações especiais de José Mojica Marins (sempre ele!) e Ivan Cardoso. Como se não bastasse esta identidade nacional para um filme de terror, a linearidade da narrativa é absurdamente fragmentada, com sequências surpreendentes a cada instante. Pode-se notar um certo parentenco com "Demônios", curta anterior do diretor Christian Saghaard, onde o espectador se sentia tão torturado quanto os protagonistas da trama, numa busca mais sensorial do que encadeada logicamente. Nesse longa visceral e muitas vezes incômodo, o cineasta, que também assina a câmera, argumento e roteiro, busca a harmonia no caos, no domínio de cada plano, com simetria e extrema violência. Seria Mickey um Exu do século XXI ? A propaganda da paz é uma mentira publicitária para confortar a burguesia paulista? A neurose urbana de São Paulo (ou qualquer grande cidade brasileira) não causa nenhuma estranheza ao nosso viajante do tempo. Sinal de que o fim dos tempos já estava prenunciado em 1850? O fato é que ao misturar elementos de extrema brasilidade dentro da metrópole mais internacional do País, Saghaard consegue um resultado único e não gratuito, como quando, por exemplo, transforma um menino de rua em um saci quando tem sua perna amputada à bala, Ou seja, cinema moderno de invenção, que deixa mais perguntas do que respostas. Ou seja (de novo): veja correndo, este filme que até agora não teve chances de uma carreira comercial. Uma injustiça, embora seja totalmente compreensível! (Chico Serra e Christian Caselli )

Programação
  • Dia 16-04-2009
  •   16:00 - Curta o Longa 8 (CCBB - Sala de Cinema)
  • Dia 24-04-2009
  •   17:00 - Curta o Longa 8 (CCBB - Auditorio 4º andar)

Diretor: Christian Saghaard
Duração: 80min
UF/Ano: SP/2008
Sinopse:
Macário, personagem principal do filme, participa de uma orgia satanista numa praia brasileira no ano de 1850. Na manhã seguinte, inicia sua difícil viagem subindo a serra em direção à cidade de São Paulo, montado em seu burro. No trajeto encontra Exú-Lebara, versão feminina da entidade fantástica de origem afro-brasileira. Decidem seguir juntos a viagem para São Paulo. No entanto, Exú engana Macário durante a viagem, fazendo-o acordar em São Paulo, mas no ano de 2008, na mega-metrópole com quase 20 milhões de habitantes. Macário fica atordoado e torna-se um mendigo, vítima da cruel e desumana realidade em que passa a viver. Um garoto que vive nas ruas do centro antigo de São Paulo sofre uma fantástica transformação para se tornar um Saci, mito mais importante do folclore brasileiro, um ser maligno e brincalhão. Macário e Saci se encontram no caos da cidade. Versão 2 (antiga): Macário inicia uma difícil viagem a São Paulo em 1850. No caminho faz um pacto com Satã/EXÚ, para alcançar seu objetivo. O pacto é cumprido, no entanto Macário acorda atordoado em São Paulo no ano de 2007, a megametrópole de 20 milhões de habitantes. Macário inicia uma difícil viagem a São Paulo no ano de 1850. No caminho pede ajuda a Satã/EXÚ, para alcançar seu objetivo. Ele é trapaceado e acorda atordoado em São Paulo no ano de 2007, a megametrópole de 20 milhões de habitantes, onde encontra o SACI, personagem do folclore brasileiro.
Formato Captação: 35mm
Formato Exibição: 35mm
Roteiro: Christian Saghaard
Produção Executiva: Jorge Guedes
Produção: Cinegrama Filmes
Fotografia: Janice D`Avila
Câmera: Christian Saghaard
Arte: Carla Sarmento
Som: Louis Robin
Edição: André Francioli
Edição de Som: Ricardo Reis
Elenco: Ricardo de Vuono, Claudia Juliana,Analú Silveira,Ivan Cardoso,Sandro Acrísio
› Mais sobre a MFL
 • Seleção 2009
 • O que é? 
 • Premiação MFL
 • Parcerias e Apoios
 • MFL no Orkut
 • MFL's Passadas
 • Arquivo de notícias
 • Arquivo de vídeos
 • Equipe MFL 2009
 • Fale com a gente

 • Regulamento MFL2009

› Busca no site MFL



Patrocínio e Realização
               
Organização
Promoção
   

© mostra do filme livre 2009 | Desenvolvimento rivello.net